quarta-feira, 2 de maio de 2018

Temer refez agenda preocupado com ida da filha à PF

O depoimento de Maristela Temer, marcado para a próxima quinta-feira (3), foi um dos motivos que levou o seu pai, o presidente Michel Temer, a cancelar a viagem de dez dias que faria à Ásia, a partir do sábado. Embora oficialmente o Palácio do Planalto afirme que o cancelamento tenha sido motivado unicamente pela pauta de votações, o presidente estaria preocupado com a repercussão do depoimento aqui no Brasil, por isso, precisaria não se ausentar por tanto tempo.
A nota oficial, divulgada pela secretaria de Comunicação do Palácio do Planalto diz que “o adiamento da viagem do presidente Michel Temer à Ásia se deu unicamente porque, tendo em vista o calendário eleitoral, a ausência do chefe de governo do país, neste momento, obrigaria os presidentes da Câmara e do Senado a também deixarem o território nacional simultaneamente, prejudicando votações importantes ao País”.

http://www.robsonpiresxerife.com/

0 comentários: