quinta-feira, 10 de maio de 2018

Acusado de matar a esposa em São Rafael é condenado no Tribunal do Júri Popular a 17 anos de prisão

Foi encerrado na tarde desta quarta-feira, dia 09 de maio o julgamento da Ação Penal nº 0100212-64.2016.8.20.0154 de autoria do Ministério Público Estadual na qual aprece como réu João Batista da Costa. 

Acusado de homicídio duplamente qualificado contra a sua esposa Josefa Ferreira da Costa, fato corrido no dia 10 de agosto de 2016 em São Rafael, João Batista foi condenado a cumprir inicialmente em regime fechado a pena de 17 anos de reclusão. Na noite do crime a vítima foi esfaqueada e depois da ocorrência o acusado foi encontrado escondido por trás da casa onde ambos residiam juntamente com três crianças.


Focoelho

0 comentários: