sábado, 12 de agosto de 2017

Servidores de Natal protestam em frente à Prefeitura


Protesto
Inconformados com o Termo de Ajustamento de Gestão (TAG) firmado pelo Ministério Público de Contas do Rio Grande do Norte (MPC) com a Prefeitura Municipal do Natal, onde o prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) se comprometeu em reduzir as despesas do município e reequilibrar as finanças da cidade visando o enquadramento na Lei de Responsabilidade Fiscal, os servidores municipais da capital potiguar realizaram um protesto na manhã desta quinta-feira em frente a sede do Poder Executivo.
Cerca de 100 servidores estiveram no local e diversas lideranças discursaram sobre a pauta. Uma delas foi a presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Natal (Sinsenat), Soraia Godeiro. Em conversa com o Agora Jornal, a sindicalista reafirmou a discordância da comunidade servidora com o TAG assinado pelo prefeito. No discurso, frisou que o Executivo desprezou as reivindicações da classe trabalhadora efetiva de Natal e quis ‘jogar’ a responsabilidade pelo reequilíbrio financeiro da cidade para os trabalhadores.


Robson Pires

0 comentários: