Flor do Sertão

Afonso Bezerra, município no estado do Rio Grande do Norte (Brasil), localizado na microrregião de Angicos.

CNA defende defende limite nas contas com gastos públicos

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e mais oito confederações empresariais assinaram manifesto de apoio à Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 241, nos principais veículos de imprensa do País. A proposta estabelece um teto à expansão das despesas, que, durante 20 anos, ficará limitada à inflação do ano anterior.

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Presos em telhado de pavilhão da Penitenciária de Alcaçuz

Ônibus queimado em Natal





Os ônibus que circulam em Natal estão sendo recolhidos às garagens. A
ordem foi dada e a informação confirmada pelo Sindicato dos
Trabalhadores em Transporte Rodoviário do RN. A justificativa é a falta
de segurança. Nesta quarta, até o momento, onze ônibus, um micro-ônibus,
um carro do governo do estado e duas delegacias sofreram ataques
criminosos. Veja o vídeo acima onde mostra ônibus em chamas na garagem
da empresa São Geraldo.

Tiroteio no presídio de Caicó





Os ônibus que circulam em Natal estão sendo recolhidos às garagens. A
ordem foi dada e a informação confirmada pelo Sindicato dos
Trabalhadores em Transporte Rodoviário do RN. A justificativa é a falta
de segurança. Nesta quarta, até o momento, onze ônibus, um micro-ônibus,
um carro do governo do estado e duas delegacias sofreram ataques
criminosos. Veja o vídeo acima onde mostra ônibus em chamas na garagem
da empresa São Geraldo.

Do Telhado do Pereirão, detentos empunham bandeiras da facção


18/jan./2017
ás 20:57
Publicado por Robson Pires na categoria

O MP e sua preocupação com a atual crise do sistema penitenciário potiguar

O Ministério Público resolveu intervir na crise que envolve a Penitenciária Estadual de Alcaçuz. Portaria assinada nesta terça-feira pelo procurador-geral de Justiça, Rinaldo Reis, determina que uma comissão de promotores atue “na crise do sistema prisional do estado do Rio Grande do Norte, especialmente em relação à rebelião, com mortes, na Penitenciária Estadual de Alcaçuz”.
De acordo com a portaria, de nº 066/2017, a comissão atuará na “investigação dos crimes praticados, diretamente ou mediante acompanhamento das investigações da Polícia Civil, nas faltas disciplinares cometidas pelos presos, na apuração de atos de improbidade administrativa de agentes públicos e na promoção de medidas de políticas públicas em matéria penitenciária”.



18/jan./2017
ás 20:54
Publicado por Robson Pires na categoria
IMG_3759
Os presos estão no teto da unidade empunhando bandeiras. Há muito fogo na unidade. O carro do Corpo de Bombeiros precisou reabastecer. O Pereirão tem capacidade para 257 homens; havia em dezembro 297. A capacidade para mulheres é de 56; há 53. Os dados são do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Ônibus é incendiado na zona Leste de Natal

http://fernando-averdade.blogspot.com.br

IMG_3698
Um ônibus da linha 38 foi incendiado por volta das 15h desta quarta-feira (18) na Praia do Meio, zona Leste de Natal. É o segundo caso de incêndio registrado na capital potiguar em menos de uma hora. Mais cedo, um veículo do Governo do Estado havia sido atacado no
bairro de Mãe Luíza, também na zona Leste.
De acordo com o motorista, um homem pediu parada, ordenou que ele com todos os seus pertences do veículo, disse que os passageiros descessem e ateou fogo ao veículo.                                               http://www.robsonpiresxerife.com/

Apenas 77 pessoas, de mais de 6 milhões, tiraram nota máxima na redação do Enem

Publicado por Robson Pires

Apenas 77 pessoas tiveram nota mil, a nota máxima na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), conforme balanço divulgado hoje (18) pelo Ministério da Educação (MEC). O número de notas máximas foi bem abaixo das 104 registradas em 2015. De acordo com o MEC, 6,1 milhões de estudantes fizeram o exame em 2016.
Os temas das redações do Enem foram “Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil”, nos dias 5 e 6 de novembro, quando a maior parte dos candidatos fez a prova; e “Caminhos para combater o racismo no Brasil”, nos dias 3 e 4 de dezembro. Em 2016, devido às ocupações de escolas e universidades por grupos contrários a mudanças educacionais no Brasil, o Enem foi adiado para alguns participantes.
“Acho que é algo absolutamente esperado. Como tem populações diferentes todos os anos fazendo o Enem, essa comparabilidade de medias tem que ser cuidadosa porque as populações são diferenciadas”, ponderou em coletiva de imprensa a presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Maria Inês Fini.

Quebra-quebra no Pereirão de Caicó

Publicado por Robson Pires

Do Pereirão chega a informação  que os presos do Pavilhão “B” se rebelaram e quebraram um portão entrando em um dos ambientes conhecido como cozinha aonde estavam outros presos.
Quando houve a invasão, teve início o quebra-quebra e agressões.
Mais detalhes em instantes

REFLEXÃO

Os instantes da vida

Os instantes da vida
A beleza da vida não está nas grandes conquistas, mas na intensidade dos pequenos momentos!


https://www.mundodasmensagens.com/

Governo não promete indenização para famílias de mortos em rebelião

.
17/01/2017 17h10 - Atualizado em 17/01/2017 18h24

Governo não promete indenização para famílias de mortos em rebelião

Procurador geral do RN declarou que STF não tem posição definida.
Vinte e seis detentos morreram na rebelião da Penitenciária de Alcaçuz.

Do G1 RN
Francisco Wilkie Rebouças, procurador-geral de Natal (Foto: Ricardo Araújo/G1)Francisco Wilkie diz que governo avaliará rebelião antes de tratar das indenizações (Foto: Ricardo Araújo/G1)
O procurador geral do Rio Grande do Norte, Francisco Wilkie, não garante que as famílias dos presidiários que morreram na rebelião que aconteceu na Penitenciária Estadual de Alcaçuz no sábado (14) e deixou 26 mortos receberão indenização.
Em nota, o procurador geral afirmou que a posição do Superior Tribunal de Justiça é de que a responsabilidade do Estado é objetiva, mas o Supremo Tribunal Federal, cuja decisão valeria para todo o país, ainda não teria uma posição definida.
“É importante deixar claro que, aqui no RN, não foi falado em direito absoluto, nem em prazo, nem em valor”, concluiu o procurador geral.
Antes de cuidar das indenizações, o governo avaliará as causas e consequências da rebelião, declarou Francisco Wilkie. “Temos que saber, além dos números de óbitos, o número total de feridos, avaliando cada caso separadamente”, explicou.
Rebelião
Segundo o secretário de Justiça e Cidadania (Sejuc), Wallber Virgolino, a rebelião em Alcaçuz começou na tarde do sábado logo após o horário de visita. O secretário disse que os presos do pavilhão 5, que abriga integrantes do Primeiro Comando da Capital (PCC), usando armas brancas, quebraram parte de um muro e invadiram o pavilhão 4, onde há presos que integram o Sindicato do Crime, facção criminosa rival do PCC. A rebelião foi controlada na manhã de domingo (15). Ainda de acordo com Virgolino, todos os 26 mortos são do Sindicato.
Na segunda-feira, os presos amanheceram em cima dos telhados dos pavilhões com paus, pedras e facas nas mãos, além de bandeiras com as siglas de facções criminosas. A Sejuc nega que a rebelião tenha sido retomada, mas diz que a situação é tensa dentro da unidade. Por volta das 11h50 a Polícia Militar entrou na área dos pavilhões e os detentos desceram dos telhados.
Além dos 26 mortos, o governo do estado confirmou que existe a suspeita de que haja mais corpos dentro da unidade e que o Corpo de Bombeiros fará a busca dentro da fossa. Um carro da Companhia de Águas e Esgotos do RN (Caern) chegou ao local por volta das 11h para esvaziar a fossa.
PM e GOE entraram na unidade prisional nesta segunda para tentar retomar o controle (Foto: Josemar Gonçalves/Reuters)PM e GOE entraram na unidade prisional nesta segunda para tentar retomar o controle (Foto: Josemar Gonçalves/Reuters)
Rebeliões e fugas
A última rebelião em Alcaçuz foi registrada em novembro de 2015. Houve quebra-quebra após a descoberta de um túnel escavado a partir do pavilhão 2. “Assim que acabou a visita social, por volta das 15h, os presos se amotinaram”, disse o secretário de Justiça da época, Cristiano Feitosa.
Mais de 100 presos conseguiram escapar do presídio no ano passado, em 14 fugas. A maioria deixou o presídio por meio de túneis escavados a partir dos pavilhões ou por buracos abertos no pé do muro, sempre sob uma guarita desativada ou sem vigilância.
Calamidade pública
O sistema penitenciário potiguar entrou em calamidade pública no mesmo mês, em março de 2015. Na ocasião, foram gastos mais de R$ 7 milhões para recuperar 14 presídios depredados durante motins, mas as melhorias foram novamente destruídas. Atualmente, em várias unidades as celas não possuem grades e os presos circulam livremente dentro dos pavilhões.
Segundo a Secretaria de Justiça e da Cidadania (Sejuc), órgão responsável pelo sistema prisional do estado, o Rio Grande do Norte possui 33 unidades prisionais, que oferecem 3,5 mil vagas, mas a população carcerária é de 8 mil presos - ou seja, o déficit é de 4,5 mil vagas.
Acre e Amazonas
Na quinta-feira (12), presos apontados pelos setores de inteligência do Acre e do Amazonas como líderes de facções criminosas chegaram à penitenciária federal de Mossoró, na região oeste do Rio Grande do Norte. Ao todo, foram 19 detentos que foram trazidos em uma operação especial para o presídio potiguar - 14 do Acre e 5 do Amazonas.

SALMO DO DIA

Salmo 81

EXULTAI a Deus, nossa fortaleza; jubilai ao Deus de Jacó.
Tomai um salmo, e trazei junto o tamborim, a harpa suave e o saltério.
Tocai a trombeta na lua nova, no tempo apontado da nossa solenidade.
Porque isto era um estatuto para Israel, e uma lei do Deus de Jacó.
Ordenou-o em José por testemunho, quando saíra pela terra do Egito, onde ouvi uma língua que não entendia.
Tirei de seus ombros a carga; as suas mãos foram livres dos cestos.
Clamaste na angústia, e te livrei; respondi-te no lugar oculto dos trovões; provei-te nas águas de Meribá. (Selá.)
Ouve-me, povo meu, e eu te atestarei: Ah, Israel, se me ouvires!
Não haverá entre ti deus alheio, nem te prostrarás ante um deus estranho.
Eu sou o SENHOR teu Deus, que te tirei da terra do Egito; abre bem a tua boca, e ta encherei.
Mas o meu povo não quis ouvir a minha voz, e Israel não me quis.
Portanto eu os entreguei aos desejos dos seus corações, e andaram nos seus próprios conselhos.
Oh! se o meu povo me tivesse ouvido! se Israel andasse nos meus caminhos!
Em breve abateria os seus inimigos, e viraria a minha mão contra os seus adversários.
Os que odeiam ao SENHOR ter-se-lhe-iam sujeitado, e o seu tempo seria eterno.
E o sustentaria com o trigo mais fino, e o fartaria com o mel saído da rocha.

Parcelas do seguro-desemprego com reajuste já estão disponíveis para saque

Publicado por Robson Pires dinheiro_1As parcelas do seguro-desemprego com valores reajustados estão disponíveis para saque a partir desta terça-feira (17). O Ministério dol Trabalho liberou hoje o lote de pagamento do reajuste com base no salário mínimo e na variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).
A maior parcela que o trabalhador pode receber passou de R$ 1.542,24 para R$ 1.643,72. A menor parcela não pode ser inferior ao mínimo de R$ 937,00.
Devido ao grande volume de pagamentos entre os dias 11 e 22 de janeiro, o Ministério definiu que os benefícios serão liberados pelas agências da Caixa Econômica Federal de acordo com o número final do PIS do beneficiário. Quem tiver o número do PIS terminando em 1 e 2 pode fazer o saque a partir desta terça-feira (17). Aqueles trabalhadores que tiverem o documento com final 3 e 4, a partir do dia 18 de janeiro. Trabalhadores com PIS com final 5 e 6, no dia 19 de janeiro. Sete e 8, no dia 20 de janeiro. E aqueles com PIS terminando em 9 ou 0, no dia 21 de janeiro.

Batimento cardíaco pode estimular preconceito racial, segundo pesquisa

Publicado por Robson Pires coracaoUm único batimento cardíaco pode fazer com que uma pessoa tome uma decisão baseada em um preconceito racial, segundo um estudo publicado nesta quarta-feira sobre a influência desse órgão no julgamento humano imediato.
Participantes do estudo brancos e asiáticos cujos ritmos cardíacos foram monitorados foram mais propensos a perceber um homem negro desarmado como uma ameaça quando observavam sua foto durante um batimento cardíaco do que entre batimentos, disseram pesquisadores do Reino Unido.
A descoberta pode ser útil para conceber formas de combater o alto número de assassinatos de negros desarmados por policiais nos Estados Unidos, disse a equipe

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Carro foi alvejado na BR-304 entre lajes e Fernando Pedroza


Por volta das 06h25 da manhã de hoje dia 17, a Polícia Militar de Lajes foi informada pelo cabo Osvaldo relatando que um veículo UNO Vivace de placas NNY-7272 de cor cinza encontrava-se parado e cravado de balas na BR-304 próximo a entrada da fazenda Pajeú. Conforme noticia Washington Fernandes, no Blog Cabugi Notícias, logo em seguida foi dado o pedido de reforço para VRTs da região. A guarnição de Lajes foi até o local, o cabo Osvaldo socorreu as vitimas, recolheu o veículo e recolheu 5 projéteis de calibre 12.


No interior do carro estava 4 pessoas sendo 3 mulheres e 1 homem, o veiculo estava indo sentido Natal/Mossoró. O referido veículo trafegava na BR-304 depois da cidade de Lajes quando outro carro de cor vermelho emparelhou e começou a atirar.

O UNO foi alvejado a tiros de calibre 12, o veículo foi atingido no pára-brisa atingindo com isso o ombro do motorista de Nome Adson Gurgel, indo com intuito de parar o veículo, mas, o condutor não reduziu e outro disparo pegou no lado do passageiro, poucos metros o veiculo foi parando uma mulher que vinha no veículo saiu correndo. Pelo menos dois indivíduos foram visto, um começou a atirar na mulher que correu mato à dentro.

Uma advogada e sua filha não tiveram muitos ferimentos, mas, elas e o motorista foram socorridos para o hospital de Lajes, logo depois transferido para Natal.

A Polícia Civil de Angicos vai investigar o caso.
 
 
Angicos Notícias

Agricultores podem renegociar dívidas com até 95%

divida-rural (1)Produtores rurais dos estados nordestinos e norte de Norte de Minas Gerais e Espírito Santo podem renegociar dívidas com descontos de até 95%. A medida vale para operações contratadas no Banco do Nordeste até dezembro de 2011 e beneficia mais de 674 mil agricultores, que terão, ainda, quatro anos de carência.

O abatimento máximo será aplicado em operações de até R$ 15 mil contratadas até 2006 por produtores residentes no Semiárido. Fora dessa região, o rebate é de até 85% da dívida para créditos contraídos. A primeira parcela da operação repactuada vencerá em 2021 e a última em 2030.

As taxas de juros anuais aplicadas variam entre 0,5% para agricultores familiares e 5% para grandes produtores. 

Os clientes do Banco do Nordeste podem obter mais informações sobre os benefícios da Lei de Renegociação diretamente na rede de agências ou pelo número 0800-728-3030.

http://www.robsonpiresxerife.com/